| Indeciso | Acerca Da Tua Orientação Sexual?

12:00:00
Bons dias mundo nosso! Estás indeciso sobre aquilo que és? Atenção que este post não é indicado para preconceituosos.

Indeciso

Hoje venho aqui tentar esclarecer uma dúvida de muitos jovens e até mesmo adultos acerca de um tema delicado, do qual muitas pessoas não são capazes de debater nem de expressar a sua opinião devido ao desconhecimento de tal coisa ou de simplesmente não aceitarem e o assunto fica encerrado por ali. 

Mas vamos ao que realmente interessa

Orientação sexual tem a haver com a pessoa por quem te sentes atraído sexualmente. Não basta achares um rapaz bonito que quer dizer que sejas gay. Não. Tu tens que sentir algo mais por esse rapaz. É por onde te orientas, se para rapazes (homem homossexual/gay), se para raparigas (mulher homossexual/lésbica/gay) ou se para os dois (bissexual). Temos a última sigla que é transsexual, uma pessoa que não se identifica com o seu corpo e pretende fazer mudanças nele. Eu já expliquei isto.

Se olhas para essa pessoa e sentes-te atraído fisicamente e intelectualmente. Se só pensas em brincadeira. Se olhas para ela e pensas em cuidar dela, dar mimos e fazer coisas boas, quem sabe até casar e ter filhos. Meu querido, minha querida, tu és gay.



Indeciso


Por quem sentes atração?

És um jovem que sempre esteve com pessoas do sexo oposto. No caso és considerado heterossexual. Olhas para pessoas do mesmo sexo e elas não te despertam interesse nenhum, não sentes curiosidade, não sentes excitação, não sentes nada. Tudo bem, não tem mal se não queres experimentar para saber como é. Se não gostas, não comes e pronto. 



Indeciso

Nunca tiveste nada com ninguém, és uma pessoa que só deu uns beijinhos na pessoa do sexo oposto. Mas conheces alguém do mesmo sexo e por mero acaso e sem motivo algum acontece algo, um beijo, uma apalpadela, uma conversa picante, enfim, e tu até ficas meio interessado mas ao mesmo tempo nervoso e inseguro. A coisa não passou daí. És gay? Creio que não.


Indeciso


Foi apenas uma pequena atração. Tu podes sentir esse "fogo" apenas por aquela pessoa. Isto porque sentes uma certa confiança com ela e a teu ver, é a única pessoa do mesmo sexo por quem te sentes confortável a fazer e falar dessas coisas. Completamente normal.


Indeciso


Curioso? Porque não tentar?

Podes estar curioso. O que não faz de ti homossexual. Mas apenas um ser com uma mente aberta, disposto a experimentar coisas novas. Agora se tu realmente gostaste dessa experiência e queres continuar no mesmo caminho, aí a coisa muda. Tu não és automaticamente considerado homossexual. A não ser que queiras assumir-te como tal. Ou bissexual se for o caso. 



Indeciso


Tenta, faz tudo o que gostarias de fazer. Mas com calma. O comboio é grande, existem várias carruagens e há que percorrer por todas elas ao pormenor. É normal sentires algum receio, secalhar até um certo nojinho mas relaxa. Se te sentires desconfortável, conversa com o teu parceiro. 

Se não é desta que queres matar a curiosidade, fica descansado que o que não falta por aí são pessoas dispostas a serem o teu tutor. E se o teu parceiro gosta realmente de ti, ele vai esperar. Se não, espera-se um bocado que as coisas acontecem quando tem que acontecer.


Indeciso

Não gostei, e agora?

Tentaste e não gostaste, foi uma péssima experiência. Primeiro, foi a tua primeira vez com o mesmo sexo. Assim como o sexo oposto, tiveste a tua primeira vez e pode não ter sido assim tão boa, tu não vais abandonar aquele género. Com certeza irás conhecer outras pessoas e tentar mais algumas vezes com elas até ganhares uma certa experiência. Bom, em relação ás pessoas do mesmo sexo, a coisa pode ser assim como também pode não ser.


Indeciso

Não gostaste, tenta novamente com outra. Se não gostaste e não correu bem com a segunda, esquece. Atenção, não estou a falar em escolherem uma pessoa e irem para a cama com ela só porque sim. Estou a falar de criar um laço íntimo, algo com sentimento e desejo. Tu tens que te sentir atraído pela pessoa fisicamente. Não basta chegar lá e pumba. Não é bem assim. Tens que sentir confiança e vontade.

Bom, não vale a pena insistires em algo que não anda para a frente. Esquece meu amigo, minha amiga. Melhor ficares por aí e assunto encerrado.


Indeciso

As pessoas escolhem ser homossexual?

Não, ninguém escolhe ser mal tratado e receber olhares de nojo e ignorância nas ruas enquanto andam de mão dada com o seu parceiro. Ninguém escolhe ser interrogado por todos acerca da tua vida amorosa pelo simples facto de ser uma pessoa do mesmo sexo.
Ninguém escolhe ser agredido verbalmente e fisicamente tanto nas ruas quanto na sua própria casa no seio familiar. Ninguém escolhe ser expulso de casa por amar uma pessoa. Ser mal tratado pela própria mãe, pelo próprio pai...é triste e dói. 



Indeciso


Não é fácil para ninguém ser tratado assim pelo simples facto de amarmos alguém e querermos cuidar desse alguém, mas essa pessoa é do mesmo sexo que o nosso e as pessoas só em pensarem nisso, quase que tem um treco. 

Muitas pessoas desde pequenas já sentem essa pequena atração que vai aumentando com o passar dos anos. E é difícil assumirem-se. Algumas descobrem esse lado um pouco mais tarde. Outras sentem uma mera curiosidade que passa. Umas escondem mas é impossível.


Indeciso


Existem pessoas que são mas tentam evitar ao máximo ser. Casam-se, têm filhos, mas quase todas as noites vão ter com o amante naquele motel para satisfazerem os seus desejos. Ou para dar um simples carinho que não tem na sua casa. Porque não é aquela pessoa por quem sentem atraídos, é tudo fachada para manter as aparências.

 Sabem que a sociedade não aceita e criam uma vida completamente diferente. Imaginem o peso na consciência dessas pessoas e o receio de as outras descobrirem?


Indeciso

As pessoas não escolhem, elas simplesmente são. Eu simplesmente sou.

As pessoas já nascem assim?

Assim? As pessoas nascem como nascem independentemente da educação que lhes é dada. Isto no que toca à sua orientação sexual. Imaginemos duas caixas, uma com roupas cor de rosa, saias, vestidos, maquilhagem, bordados, lacinhos, bonecas. E a outra caixa com roupas masculinas, azuis, carrinhos, bola de futebol, bonecos de luta, enfim. Já podem ter reparado que um é "somente para meninas" e o outro "somente para meninos". 



Indeciso

Estas crianças crescem, a menina adora jogar futebol e entra para um clube, também ama jogos de guerra, armas e decide entrar para o airsoft e para o boxe. O rapaz também adora jogar mas prefere ajudar a mãe a cozinhar ou a escolher a sua roupa, os sapatos, o batom. Tem olho para a moda. 



Indeciso


Ela já tem idade suficiente para escolher o que quer e decide entrar para as forças especiais. Ele adora moda e decide ser estilista e sonha em criar a sua marca em Milão. Ambos estudaram para isso. Ela tem um namorado incrível, porém passa pouco tempo com ele devido ao seu trabalho arriscado e perigoso. Ele tem uma mulher linda que o ajuda na costura dos vestidos e nos eventos de moda.


Indeciso



Ambos têm filhos e uma vida feliz. Agora diz-me, a cor da roupa, os objetos com que as crianças brincam, o jeito delas serem na adolescência influencia o seu futuro no que toca à homossexualidade? 

Quer dizer que se for menina tem que ter uma caixa daquelas e seguir um padrão que a sociedade impõe, fazer o que as pessoas dizem porque é moralmente correto, porque é feio ver uma menina lutar boxe, vestir-se de forma menos elegante, conduzir um camião ou seguir uma profissão mais pesada ou arriscada? Pois, e os filhos? Ela deixa de ser mulher porque não quer ser mãe?  Não é por estes motivos que uma mulher será lésbica ou não.


Indeciso


Quer dizer que se for um rapaz tem de ser um jogador de futebol, tem que ter não sei quantas namoradas, não pode ser vaidoso e tem necessáriamente que rapar o cabelo todos os meses porque senão é considerado menos homem? Se tratar bem as mulheres é considerado um fraco. Se não bebe é uma florzinha? Não é por estes motivos que um homem será gay ou não.



Indeciso


As pessoas tem gostos diferentes, as pessoas são mais versáteis. As mulheres também podem ser mecânicas. Os homens também podem dançar ballet. Qual é o problema nisso?

As mulheres podem amar outras mulheres e os homens podem amar outros homens. Qual é o problema nisso?

Uma coisinha, não temos que colocar rótulos em tudo, tu és o que tu és e pronto. 


Indeciso

Existe uma coisa chamada respeito, é o que devemos ter perante situações destas. Não julgar as pessoas e não as humilhar  porque isso é feio e ninguém gosta. Temos que aceitá-las como elas são e ponto final. 

Não gostam, não olhem, não comam. Mas deixem as pessoas serem felizes à sua maneira

. Por hoje é tudo e espero que tenham gostado, jovens e adultos. Sigam o vosso coração. E não se sintam indecisos,
(Anne)

14 comentários:

  1. olá tudo bem ? Gostei muito do teu post ,super completo para pessoas que ainda não se descobriram ou tem duvida na sua orientação sexual. sempre fui mente aberta , acho que a vida é de cada um , e que é muito curta para vivemos tentando agradar aos outros . Ser feliz é oque importa.

    ResponderEliminar
  2. Como você disse existe uma coisa chamada respeito, temos que saber respeitar a decisão de cada um. Não somo ninguém pra fazer julgar o outro ou humilhar, temos que aprender e aceitar a decisão do outro. Temos seguir o que diz o coração pois só o coração que entende a gente, abraços.

    ResponderEliminar
  3. importante a parte que vc comentou sobre meninos fazerem ballet. As mulheres também podem jogar futebol por exemplo e serem respeitadas por isso.
    Menos intolerância e mais respeito.
    abraços,

    ResponderEliminar
  4. Oi, tudo bem? Gostei bastante do texto, viu?! Acho que precisamos falar mais sobre esse assunto, esclarecer mais as coisas, para as pessoas que se sentem confusas conseguirem falar, perguntar, se entenderem melhor! Parabéns pela inciativa!

    ResponderEliminar
  5. Anne, esse é um assunto importante de se comentar sempre, afinal as pessoas precisam entender que expressar o amor de forma diferente não é nenhuma agressão a ninguém. Devemos respeitar sempre o sentimento dos outros e ajudar quando presenciar algum ato de intolerância. Quantas pessoas não sofrem tanto por preconceito por aí. Parabéns por trazer um assunto tão pertinente no mundo de hoje.

    ResponderEliminar
  6. Parabéns pelo texto bem detalhado! A orientação sexual é um assunto importante!! Ninguém tem o direito de julgar ninguém, mas infelizmente, ainda existe o preconceito. Muitas pessoas não sabem o que é o respeito!

    ResponderEliminar
  7. Poxa, como é importante falar sobre orientação sexual né? Mas o mais importante de tudo é ter muito respeito e tratar amor como ele deve ser tratado. Com mais amor. Bacana o seu post!

    ResponderEliminar
  8. Parabens pelo texto,voce explicou bem,bom não devemos julgar ninguém pela orientação sexual,muito menos agir com preconceito,a vida é de cada um cada um faz o que quer,mas na minha opinião isso não é certo.Mas nao julgo ninguém.bjs
    http://www.divamodaefotografia.com.br

    ResponderEliminar
  9. BOm diia, como vai? Nossa que tema exelente você abordou, realmente, parabéns pelo post, pois você escreveu com bastante propriedade, acho que hoje em dia as coisas entao muita avançada a questao da mídia em sí envolve muito esse quetao de serta forma errada, mas em fim cada pessoa tem direito de seguir a sua orientação sexual, mas nao deve expor a uma criança que ainda nao sabe o que é certo ou errado

    ResponderEliminar
  10. Post bem informativo, detalhado. Realmente devemos ter RESPEITO. É a palavra chave. Tanto dos heteros pelos homos e vice versa.Se alguém acha certo menina brincar com coisas de meninas e meninos com coisas de meninos, deve ser respeitado tbm.Pq muitas vezes se alguem não concorda com ideologia de gênero e homossexualismo já é taxado de preconceituoso e homofóbico. Mas isso na verdade é opinião. Cada um respeitando a decisão do outro tudo fica melhor.

    ResponderEliminar
  11. O assunto abordado é mesmo a bola da vez e o seu post dará bastante repercussão. Concordo plenamente quando você diz sobre o respeito, afinal é bom e todo mundo gosta. Não sou a favor da ideologia de gênero, mas respeito e convivo com qualquer pessoa com relacionamentos homo afetivos.

    ResponderEliminar
  12. Oie, tudo bem? Que ótima reflexão você trouxe ao blog. Acredito que as pessoas devem fazer aquilo que as deixa feliz. Cada decisão em nossas vidas traz consequências, sendo elas boas ou não. A sociedade tem alguns pensamentos preconceituosos mas é o preço que se paga por seguir caminho diferente daquilo que ela considera o "certo" e aceitável. Beijos, Érika =^.^=

    ResponderEliminar
  13. O mundo anda tão bagunçado que ao mesmo tempo em que há mais liberdade de expressão há também muito preconceito e intolerância. Eu sinceramente não concordo, mas eu respeito, não trato mal, não sou preconceituosa, não julgo. É a escolha de cada um, a vida de cada um e isso não me diz respeito. Está faltando muito mais amor e respeito no mundo.

    ResponderEliminar
  14. Olá,
    Na minha opinião temos que respeitar a opção de cada um, afinal somos livres para escolher o que for melhor para nossa felicidade.
    Abraços!

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.